Empresa que controla o Ozempic planeja investir US$ 7 bilhões por ano

A Novo Holdings, que detém uma participação de 28% na Novo Nordisk, registrou um crescimento de 31% nas vendas da empresa em 2023

(Foto: Reuters/George Frey)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – A Novo Holdings, entidade controladora da Novo Nordisk, planeja aumentar seus investimentos anuais para US$ 7 bilhões até o ano de 2030. Esta projeção representa um significativo aumento em relação aos US$ 3 bilhões investidos em 2023, e os US$ 5 bilhões previstos para os próximos cinco anos. A Novo Holdings, que detém uma participação de 28% na Novo Nordisk, registrou um crescimento de 31% nas vendas da empresa em 2023, impulsionado pelo sucesso dos medicamentos Ozempic e Wegovy, segundo reportagem da Dow Jones, publicada pelo Valor.

Com a demanda pelos produtos da Novo Nordisk superando a oferta, a empresa enfrenta desafios para aumentar sua capacidade de produção dos remédios à base de semaglutida. Como parte de sua estratégia de expansão, a Novo Holdings recentemente fechou um acordo para adquirir a Catalent por US$ 16,5 bilhões. Essa aquisição adicionará três novas fábricas de remédios nos Estados Unidos, ampliando assim a capacidade produtiva da Novo Nordisk.

continua após o anúncio

A expectativa é que as receitas da Novo Nordisk continuem a crescer entre 18% e 26% neste ano, refletindo a forte demanda por seus produtos. A Novo Holdings, responsável pela gestão dos ativos e caixa da Novo Nordisk Foundation, tem como objetivo investir em companhias que atendam à missão e causas filantrópicas da fundação.

Diante desse cenário, a Novo Holdings projeta um aumento significativo em seus investimentos anuais até 2030, refletindo sua confiança no crescimento contínuo da Novo Nordisk e nas oportunidades de expansão no mercado de medicamentos.

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247