Escândalo das joias sauditas fez com que filhos e aliados abandonassem Bolsonaro nas redes sociais

Levantamento da consultoria DSC Lab, apontou que de 200 publicações sobre o tema, criadas por 54 parlamentares, apenas cinco (9%) partiram aliados de Jair Bolsonaro

Michelle e Bolsonaro em convenção no Maracanãzinho e joias
Michelle e Bolsonaro em convenção no Maracanãzinho e joias (Foto: Ricardo Moraes/Reuters | Reprodução/Twitter)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Jair e MIchelle Bolsonaro foram praticamente abandonados pelos filhos do ex-mandatário e aliados após a repercussão do escândalo das joias sauditas  que foram dadas ao Estado Brasileiro e que o ex-ocupante do Palácio do Planalto tentou se apropriar. 

De acordo com a coluna do jornalista Lauro Jardim, de O Globo,  um levantamento feito pela consultoria DSC Lab, realizado entre os dias 3 e 9 de março, apontou que “a análise de 200 publicações sobre o tema, criadas por 54 parlamentares, mostrou que somente cinco (9%) partiram de figuras favoráveis a Bolsonaro — uma delas foi Flávio, o filho mais velho, único do clã a se manifestar no período. Eduardo e Carlos permaneceram em silêncio nos sete dias (ambos só se manifestaram mais recentemente)”.

continua após o anúncio

Por outro lado, as 193 publicações negativas envolvendo o casal Bolsonaro registraram 767,7 mil interações no período, ante 300,3 mil interações favoráveis. “O volume do impacto das críticas foi 2,5 vezes maior”, ressalta a reportagem. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247