Rússia segue a China e retalia ação de Donald Trump

Após a deflagração da guerra comercial entre os EUA e China, a Rússia anunciou hoje que  também está retaliando a imposição de tarifas extras que Trump instituiu para metais importados daquele país; Rússia introduziu tarifas adicionais no valor de 25% a 40% contra uma série de bens norte-americanos; nova taxação pode alcançar US$ 87,6 milhões por ano

Rússia segue a China e retalia ação de Donald Trump
Rússia segue a China e retalia ação de Donald Trump (Foto: REUTERS/Aly Song)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Sputnik - Moscou introduz impostos adicionais sobre bens norte-americanos em meio a novas tarifas sobre metais dos EUA.

Como medida de retaliação ao aumento de tarifas pelo governo Trump, a Rússia introduz impostos adicionais no valor de 25 a 40% contra uma série de bens norte-americanos, cujos análogos são fabricados na Rússia.

A soma total de impostos é estimada em aproximadamente US$ 87,6 milhões (R$ 343 milhões) por ano, informa o Ministério do Desenvolvimento Econômico da Rússia.

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247