Áudios colocam coronel Elcio Franco no centro da trama golpista do 8 de janeiro

Ex-número dois do Ministério da Saúde de Bolsonaro e assessor da Casa Civil, Elcio aparece no áudio dando sugestões para mobilizar 1.500 homens em uma intentona golpista

Élcio Franco e atos golpistas de 8 de janeiro
Élcio Franco e atos golpistas de 8 de janeiro (Foto: Agencia Senado | ABR)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Novas mensagens de áudio divulgadas pela jornalista Daniela Lima, da CNN, nesta segunda-feira (8), mostram que o coronel do Exército Elcio Franco, funcionário de confiança do governo Bolsonaro, ex-número dois do Ministério da Saúde e assessor da Casa Civil, estava envolvido na trama golpista do 8 de janeiro. De acordo com a reportagem, em conversa com o ex-major Ailton Barros, que está preso, Franco não só sabia da intenção do golpista, como deu sugestões de como mobilizar 1.500 homens para a ação.

Nos diálogos, Franco relatou o temor do então comandante do Exército de ser responsabilizado por uma eventual tentativa de golpe. Além disso, fica evidente que Ailton e seu grupo pensaram em suplantar a autoridade do então comandante Freire Gomes, usando o Batalhão de Operações Especiais do Exército.

continua após o anúncio

As mensagens de áudio colocam o coronel Elcio Franco no centro da trama golpista e levantaram ainda mais preocupações sobre o envolvimento de militares em ações políticas ilegais. O caso faz parte de um inquérito da Polícia Federal contra o ajudante de ordens de Jair Bolsonaro, Mauro Cid.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247