Desembargador que mandou soltar Milton Ribeiro é favorito ao STJ

Ney Bello tem histórico de decisões pró-governo

Ney Bello e Milton Ribeiro
Ney Bello e Milton Ribeiro (Foto: Ascom/TRF-1 | Valter Campanato/Agência Brasil)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Responsável pela decisão que colocou em liberdade o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, o desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) Ney Bello é favorito para assumir uma das vagas abertas no Superior Tribunal de Justiça (STJ). As informações são da coluna de Malu Gaspar, no Globo

Bello é um dos quatro desembargadores indicados pelo STJ para a escolha de Jair Bolsonaro, que é simpático a ele. Gilmar Mendes também seria um defensor da nomeação de Bello, a contraste do ministro Kassio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF).

continua após o anúncio

>>> Desembargador Ney Bello manda soltar Milton Ribeiro

Ele também tem histórico de decisões alinhadas aos interesses do Palácio do Planalto. 

continua após o anúncio

"Em agosto de 2020, Ney Bello suspendeu uma apuração aberta pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ministro da Economia, Paulo Guedes. O caso diz respeito a supostas fraudes na atuação de fundos de investimentos geridos por uma empresa de Guedes que captaram recursos milionários de fundos de pensão de estatais", escreve a jornalista. 

"Pouco depois, em outra vitória do governo, Ney Bello negou o afastamento de Ricardo Salles do Ministério do Meio Ambiente por entender que a medida seria excepcional, apesar das acusações contra o gestor envolvendo o desmonte de políticas ambientais".

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247