Lula prevê alianças mais amplas apenas no segundo turno contra Bolsonaro

Falta ainda consolidar acordos no primeiro turno com PCdoB, Psol e PSB

www.brasil247.com - Ex-presidente Lula
Ex-presidente Lula (Foto: Ricardo Stuckert)


247 – A vantagem ampla do ex-presidente Lula nas pesquisas eleitorais ainda não lhe garante conforto no jogo das alianças políticas. "Após uma rodada considerada bem-sucedida pelos petistas de conversas com líderes de potenciais siglas aliadas no ano que vem em Brasília, o ex-presidente saiu convencido de que apoios só virão com diversas condicionantes", informa o jornalista Igor Gielow, em reportagem publicada na Folha de S. Paulo. "Nas contas de Lula, seu arco de alianças será reduzido e à esquerda. Nele estarão o eterno escudeiro PC do B e, a definir detalhes, o PSB e o PSOL", diz o jornalista.

Nos dois últimos casos, os partidos cobram "reciprocidade", com a eventual retirada da candidatura de Fernando Haddad, em São Paulo – o que hoje parece ser altamente improvável.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247