Roberto Jefferson é preso pela Polícia Federal

Operação foi executada nesta manhã pela PF e o motivo são os ataques à democracia feitos pelo ex-deputado. Ordem partiu do ministro do STF Alexandre de Moraes

(Foto: Reprodução | Rosinei Coutinho/SCO/STF)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A Polícia Federal foi às ruas na manhã desta sexta-feira (13) e prendeu o ex-deputado e presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson. A autorização da prisão partiu do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

O mandado é de prisão preventiva (que não tem prazo estipulado para acabar).

A ordem ocorre dentro do chamado inquérito da milícia digital, que investiga a organização e o funcionamento de um grupo voltado a ataques à democracia aberto em julho por decisão do ministro.

PUBLICIDADE

Moraes também determinou o bloqueio de conteúdos postados por Jefferson em redes sociais e a apreensão de armas e acesso a mídias de armazenamento, informou o portal G1.

De acordo com a Polícia Federal, o bolsonarista foi enquadrado em “crimes contra a honra, racismo, homofobia e incitação à prática de crimes, bem como o tipo penal decorrente de integrar organização criminosa, convergente com o contexto da apuração já em curso neste inquérito”. 

PUBLICIDADE

 Inscreva-se na TV 247, seja membro e assista ao nosso boletim sobre o tema:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email