Posse de Lula deve ter presença de 150 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios

Secretaria de Segurança do Distrito Federal diz que não permitirá manifestações de bolsonaristas no local

www.brasil247.com - Lula em encontro com parlamentares e a equipe de transição de governo
Lula em encontro com parlamentares e a equipe de transição de governo (Foto: Ricardo Stuckert)


247 - Em reunião entre a Secretaria de Segurança do Distrito Federal e a equipe de transição de governo, realizada nesta quinta-feira (24), houve o entendimento em torno da estimativa de que 150 mil pessoas devem ir à Esplanada dos Ministérios para ver o novo presidente desfilar em carro aberto, informa a jornalista Mônica Bergamo em sua coluna na Folha de S.Paulo.

Na reunião foram discutidas medidas de segurança. O secretário de Segurança do DF, Júlio Danilo, afirma que, além da Polícia Militar do DF, que cuidará do perímetro da Esplanada, também as polícias do Senado e da Câmara dos Deputados e os fuzileiros navais que fazem a segurança do Itamaraty participarão do esquema. A coordenação será feita pela Polícia Federal.

Como em todas as posses, atiradores de precisão estarão a postos para neutralizar algum possível ataque ao presidente que toma posse. 

O secretário de Segurança do DF diz que as pessoas serão revistadas antes de entrar na Esplanada, e que os protocolos neste ano devem ser semelhantes aos de posses anteriores: não será permitida no perímetro a presença de cidadãos com arma, faca, estilete, paus, ferros — e mesmo bandeiras com mastros, pois eles podem servir de arma em alguma confusão.

Além do desfile tradicional do novo presidente em carro aberto, a festa deve ter depois show de artistas que apoiaram Lula.

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), afirma que a festa deve ser tranquila, apesar das manifestações de bolsonaristas que ainda não se conformaram com o resultado das eleições. "Não acreditamos que vai ter manifestação", diz ele. Se isso ocorrer, ela será feita em espaço distante da Esplanada, assegura o governador.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247