Flávio Dino se filia ao PSB e defende frente para 2022: "será o plebiscito entre a democracia e o extermínio do Brasil"

"A eleição de 2022 não é uma a mais, é a batalha fundamental em torno de tudo, plasmado sobretudo na constituição 1988”, afirmou Dino durante o ato que também contou com a filiação do deputado Marcelo Freixo

(Foto: Divulgação)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O governador do Maranhão, Flávio Dino, se filiou nesta terça-feira (22) ao PSB, numa solenidade marcada pelo ingresso na legenda do deputado federal Marcelo Freixo.

Em seu discurso, Dino alertou para a gravidade do momento que o país atravessa e defendeu a criação de frente de forças democráticas para derrotar o bolsonarismo nas eleições de 2022. "O atual momento exige muito da militância patriótica e socialista. A eleição de 2022 não é uma a mais, é a batalha fundamental em torno de tudo, plasmado sobretudo na constituição 1988”, afirmou o governador maranhense.

continua após o anúncio

Dino defendeu que a frente contra o bolsonarismo deve reunir comunistas, socialistas, trabalhistas, lulistas e petistas, além de liberais progressistas, católicos progressistas, evangélicos progressistas, bem como todas as pessoas que não têm opinião política. "A conjuntura não comporta uma abordagem narcisista daquilo que já fizemos no passado”, afirmou. 


Inscreva-se na TV 247, seja membro, e compartilhe:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247