Eduardo Bolsonaro ataca Sheherazade e Mônica Bergamo por causa do 'Facada Fest'

“Os mesmos que nos acusam de intolerantes e ditatoriais estimulam deliberadamente uma próxima tentativa de assassinato contra meu pai", escreveu o deputado no Twitter, depois que as jornalistas ironizaram o pedido de inquérito de Sergio Moro contra artistas punk de Belém (PA)

Jornalistas ironizaram o Facada Fest
Jornalistas ironizaram o Facada Fest (Foto: Reprodução | Câmara dos deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) atacou as jornalistas Rachel Sheherazade e Mônica Bergamo por ironizarem o pedido de inquérito do ministro da Justiça, Sergio Moro, contra artistas punk de Belém (PA). O grupo é responsável pelo evento de rock “Facada Fest” e usou ilustrações satíricas contra Jair Bolsonaro para divulgar o festival.

“Os mesmos que nos acusam de intolerantes e ditatoriais ESTIMULAM deliberadamente uma próxima tentativa de assassinato contra meu pai. Não se trata de apoio ou não ao Presidente, de respeitá-lo ou não. Aqui estamos na esfera criminal e não na de debate político. Teucu é pouco!”, escreveu o parlamentar no Twitter.

A “Facada Fest” foi parar nos trending topics (assuntos mais comentados) do Twitter nesta sexta-feira (28). A jornalista Mônica Bergamo chamou o fato de “sucesso”. Sheherazade publicou as ilustrações do grupo punk contra Bolsonaro e ironizou: “peço que não retuítem, pela honra do nosso presidente”.

Com a mensagem, Eduardo insinua que o grupo de punks criou o festival por conta da "facada" de Bolsonaro durante a campanha de 2018. Segundo a Fórum, no entanto, o festival acontece desde 2017, antes do episódio. 

 


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email