CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sudeste

Horas depois de pedir medida protetiva contra marido, mulher é assassinada e tem órgãos arrancados

O homem chegou a resistir à prisão, mas foi preso em flagrante por feminicídio

(Foto: Reprodução)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247  - Mais um caso de feminicídio ocorre no país, desta vez com características cruéis.  Milena Dantas Bereta Nistarda, de 53 anos, foi brutalmente assassinada cerca de quatro horas depois de pedir medida protetiva contra o marido, Marcelo Nistarda Antoniassi, em Tupã, no interior de SP. De acordo com apuração do G1, o principal suspeito é o marido dela de 49 anos, que foi preso em flagrante pelo crime na residência do casal.

Por volta das 9h30, Milena foi à delegacia de Tupã e registrou um boletim de ocorrência por violência psicológica e pediu medida protetiva contra o companheiro. Em seguida, ela retornou para casa e se trancou no imóvel.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ainda segundo a Polícia Civil, o suspeito do crime invadiu a residência, derrubou o portão com o carro e arrombou as portas do imóvel. No local, ele desferiu diversos golpes de faca contra a vítima e, por fim, abriu o abdômen dela e extraiu as vísceras e o coração. De acordo com a apuração, o homem chegou a resistir à prisão, mas foi preso em flagrante por feminicídio, por volta das 13h30, cerca de quatro horas depois da esposa ter pedido uma medida protetiva contra ele. O caso será investigado pela Polícia Civil.

O Mapa da Violência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mostra que o número de mulheres assassinadas aumentou no Brasil. Entre 2003 e 2013, passou de 3.937 casos para 4.762 mortes. Em 2016, uma mulher foi assassinada a cada duas horas no país.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO