Mesmo com Covid-19, Luciano Hang volta a defender o "tratamento precoce", que não tem eficácia contra a doença

Internado em um hospital de São Paulo, o empresário bolsonarista Luciano Hang disse ter tomado hidroxicloroquina, ivermectina e azitromicina durante o tratamento. Ele também defendeu a vacina chinesa Coronavac

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O empresário bolsonarista Luciano Hang, que está com Covid-19, afirmou que deve ter alta ainda nesta quarta-feira (20). Ele está internado no hospital Santa Maggiore, unidade da rede Prevent Senior na capital paulista, junto com a esposa Andrea e a mãe Regina Modesti Hang, de 82 anos. 

Em transmissão nas redes sociais, o dono das lojas Havan voltou a defender o chamado "tratamento precoce" contra a Covid-19, que não tem eficácia contra a doença. Hang disse ter tomado hidroxicloroquina, ivermectina e azitromicina durante o tratamento no hospital. 

Após ter demonstrado desconfiança em relação à vacina chinesa Coronavac, Luciano Hang defendeu o uso da vacina. "Eu acredito na vacina, quem é que não vai acreditar na vacina?", questionou Hang. "Prefiro pecar pelo excesso do que não fazer nada. Mas também acredito no tratamento precoce e preventivo", completou o empresário bolsonarista. 

Apesar de Hang defender o tratamento, até hoje não existe nenhum medicamento com eficácia comprovada contra a Covid-19. Durante a reunião em que autorizou o uso emergencial da Coronavac e da vacina de Oxford, diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deixaram claro que não existe tratamento contra a Covid-19

Inscreva-se na TV 247, seja membro, e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email