"Não vou usar R$ 100 milhões com reforma do Anhangabaú enquanto gente vive na rua", diz Boulos em debate

Em debate com Bruno Covas (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL) criticou o candidato tucano que investiu R$ 93,8 milhões na reconstrução do vale do Anhangabaú e, em outubro deste ano, privatizou-o por R$ 6,5 milhões

Bruno Covas e Guilherme Boulos
Bruno Covas e Guilherme Boulos (Foto: Reprodução/Twitter)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em debate na Band com Bruno Covas (PSDB), o candidato do PSOL à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos criticou o candidato tucano afirmando que não irá “gastar dinheiro na reforma do Anhangabaú, enquanto tem gente morando na rua".

“Não vou usar 100 milhões para fazer reforma no Anhangabaú enquanto tem gente vivendo na rua. Não vou quebrar as calçadas às vésperas das eleições com orçamento que foi tirado das creches”, afirmou.

No último ano, Covas investiu R$ 93,8 milhões na reconstrução do vale do Anhangabaú e, em outubro deste ano, privatizou-o por R$ 6,5 milhões.

Boulos também disse que tem “sentido uma onda de esperança e de mudança nas ruas de SP”. “Nesse debate, quero trazer minha trajetória, minha sensibilidade e minha experiência de 20 anos lutando ao lado do povo na periferia”, salientou.

Confira o discurso inicial de Boulos no debate:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247