CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sudeste

PF deflagra Operação Criminalis Vigilantia, no Rio de Janeiro e Niterói

Operação visa reprimir possíveis crimes de corrupção passiva, concussão e tráfico de influência na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)

(Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Polícia Federal - Na manhã desta quinta-feira, 22/02, a Polícia Federal deflagrou a Operação Criminalis Vigilantia com objetivo de reprimir possíveis crimes de corrupção passiva, concussão e tráfico de influência na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Na ação de hoje, os policiais federais lotados na Delegacia de Polícia Federal em Niterói cumprem 2 (dois) mandados de busca e apreensão, expedidos pela 10ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro/RJ, nos municípios de Niterói/RJ e Rio de Janeiro/RJ.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A investigação revelou que um servidor público federal da ANP estaria utilizando informações sigilosas para solicitar para si vantagens indevidas.

O investigado estaria contando com auxílio de terceiros sem vínculo funcional com a ANP, mas que se passavam por supostos servidores e, munidos com informações sigilosas, estariam solicitando vantagens indevidas a agentes regulados da referida autarquia federal.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O funcionário público alvo da Operação Policial foi afastado judicialmente de suas funções, até o desfecho das investigações.

O nome da operação  significa “fiscalização criminosa” em latim.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO