CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sul

Comec oferece R$ 7,45 mi para o transporte público

A proposta de renovação do convênio da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) com a Urbs, empresa municipal que gerencia o transporte coletivo, entregue oferece um subsídio de R$ 7,45 milhões; era o que o prefeito Gustavo Fruet (PDT) exigia para manter a Rede Integrada de Transporte (RIT)

Imagem Thumbnail
A proposta de renovação do convênio da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) com a Urbs, empresa municipal que gerencia o transporte coletivo, entregue oferece um subsídio de R$ 7,45 milhões; era o que o prefeito Gustavo Fruet (PDT) exigia para manter a Rede Integrada de Transporte (RIT) (Foto: Leonardo Lucena)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Notícias Paraná - A proposta de renovação do convênio da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) com a Urbs, empresa municipal que gerencia o transporte coletivo, entregue nesta quinta-feira (19) oferece um subsídio de R$ 7,45 milhões. Era o que o prefeito Gustavo Fruet (PDT) exigia para manter a Rede Integrada de Transporte (RIT).

Fruet (PDT) deu o ultimato na semana passada: ou o governo dava R$ 7 milhões para cobrir o déficit da Rede Integrada de Transporte (RIT) ou ela seria suspensa, o que deixaria a população da região metropolitana sem ônibus. Agora, a Urbs analisa os termos do convênio antes de encaminhá-lo para as assinaturas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Até hoje, a discussão sobre a manutenção do convênio era cercada pela incerteza. A última parcela repassada pela Comec, de R$ 5 milhões, vencida em 10 de fevereiro, só foi paga no último dia 11, com mais de um mês de atraso.

Fruet tem dito que o déficit do transporte coletivo é de R$ 13 milhões por mês. O valor corresponde à diferença entre o que os usuários pagam efetivamente pela passagem e a chamada tarifa técnica, mais alta, que envolve todos os custos e é cobrada pelas empresas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Hoje, a Urbs entra com R$ 6 milhões para manter a RIT. Agora, a Comec passará a repassar R$ 7,45 milhões. O prefeito conseguiu o que queria. E os usuários do sistema de transporte coletivo podem, finalmente, ficar tranquilos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO