CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Reindustrialização

BNDES financia R$ 2,6 bi para programa florestal da Suzano, que criticou o banco e a nova política industrial do governo Lula

"A neoindustrialização nacional, mais verde e mais inovadora, é uma prioridade do governo Lula", disse o presidente do BNDES, Alozio Mercadante

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) (Foto: Reuteres/Sergio Moraes)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou um financiamento da ordem de R$ 2,6 bilhões para o programa florestal bienal da Suzano. A aprovação ocorreu cerca de um mês depois que o então presidente da empresa, Walter Schalka, criticou o programa de incentivo à indústria lançado pelo governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e questionou a necessidade de subsídios governamentais para empresas. Schalka deixou o cargo em fevereiro alegando razões pessoais. 

Segundo a coluna da jornalista Bela Megale, de O Globo, “o plano florestal da Suzano envolve o investimento total de R$ 3,6 bilhões e prevê o plantio de até 435 mil hectares de fazendas de eucalipto nas proximidades das indústrias da companhia em seis estados: Espírito Santo, Bahia, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Pará e São Paulo”. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O banco de fomento também aprovou por meio da linha BNDES Mais Inovação,um aporte de R$ 31 milhões destinado ao desenvolvimento de uma nova central de produção de árvores de eucalipto superiores,que incorpora melhorias genéticas para alcançar uma maior qualidade. “Esse recurso também direciona investimentos a outros projetos relacionados a agroflorestas, remoção de carbono, biomassa de eucalipto e embalagens sustentáveis”.

Segundo o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante, “a neoindustrialização nacional, mais verde e mais inovadora, é uma prioridade do governo Lula. O apoio do banco ao programa florestal e ao projeto de inovação da Suzano está alinhado à nova política industrial brasileira, estimulando a bioeconomia a partir do manejo florestal sustentável”.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO