CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Adilson Roberto Gonçalves avatar

Adilson Roberto Gonçalves

Pesquisador científico em Campinas-SP

184 artigos

blog

Flávio Dino no STF e os lampejos da extrema direita

A extrema direita continua vociferando e já não esconde seu desejo de continuar no poder em face das eleições municipais do ano que vem

Flávio Dino (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

A semana terminou bem. Além do ótimo desempenho político de Flávio Dino frente aos frustrados senadores da extrema direita, suas palavras compõem uma aula de Direito. Somam-se a outras que proferiu em convites dos parlamentares e fica a dica desse rico material gratuito no site do Congresso Nacional.

A vergonha maior ficou por conta de Sergio Moro ao forjar um apoio escondido a Dino, pelo que foi vazado de trocas de mensagens com assessores e alertas para não explicitar esse voto. O chamado “ex-senador em exercício” está em seus últimos dias. A cassação de Sérgio Moro é questão de tempo por juntar a lógica com a justiça. Mas não nos contentemos, pois no Paraná a chance de eleger um substituto da ala retrógrada-neofascista é muito grande, por mais que Gleisi Hoffmann tenha reais chances. Pelo menos ao punir minimamente o juiz parcial, continuaremos a dar passos seguros em direção do Estado Democrático de Direito em que não se pode punir sem provas, ainda mais prendendo o único candidato que poderia ter derrotado o inominável em 2018.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Por fim, fazemos muito bem em relembrar os crimes ainda impunes de Jair Bolsonaro. Há os que dizem que tudo é passado, mas é por conta de não punir crimes hediondos, como o da morte de meio milhão de pessoas adicional devido à prevaricação do ex-presidente, que continuamos a alimentar a indústria de fake news e retrocessos sociais. A extrema direita continua vociferando e já não esconde seu desejo de continuar no poder em face das eleições municipais do ano que vem. O inominável ficar inelegível é café pequeno, pois a cadeia deveria ser a única instituição pública adequada para acomodar aquele criminoso.

Adilson Roberto Gonçalves, pesquisador em Campinas-SP

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO