América latina

Fernández repudia na ONU o atentado contra Cristina e condena discursos de ódio

O presidente da Argentina pediu combate ‘à violência fascista que se disfarça de republicanismo’

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)


Carta Capital - O presidente da Argentina, Alberto Fernández, repudiou nesta terça-feira 20, durante a Assembleia-Geral da ONU, o ataque contra a vice-presidenta Cristina Kirchner, no início deste mês.

Na tribuna das Nações Unidas, em Nova York, Fernández afirmou que “os magnicídios sempre foram prólogos de grandes tragédias”.

“Na Argentina, a tentativa de assassinar a vice-presidenta não apenas afetou a tranquilidade pública, como também procurou alterar uma construção coletiva democrática que completará quatro décadas no próximo ano. A violência fascista que se disfarça de republicanismo não poderá mudar esse enorme consenso.”

Leia a íntegra na Carta Capital.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email