A caminho do golpe?

A inflexão de Bolsonaro em direção à irresponsabilidade e desprezo à saúde pública tem uma razão

(Foto: Isac Nobrega - PR)

A inflexão de Bolsonaro em direção à irresponsabilidade e desprezo à saúde pública tem uma razão: ele está preparando o discurso necessário a justificar o retumbante fracasso de seu governo em todas as áreas ou um golpe de Estado.

Ao assumir a retórica de que há “exagero” e “histeria” no isolamento total e que isso seria desnecessário Bolsonaro está a ministrar uma vacina política em si próprio e já indica como “culpados” pelo caos na economia os governadores, especialmente Dória e Witzel, e a mídia comunista.Bolsonaro está muito aquém do cargo, não tem cultura, educação, ética ou conhecimento do Brasil e de sua diversidade. Bolsonaro vive um tempo que não existe mais, vive a cultura da Escola Superior de Guerra, vive a guerra fria

Lamento que meus filhos, adultos jovens que buscam construir suas histórias, tenham que viver a tragédia que representa Bolsonaro no Planalto. 

Bolsonaro não se preocupa com o Brasil e não se ocupa do exercício ético da Política, dá de ombros à construção de consensos. 

Hoje o governador de Goiás, aliado de primeira hora e responsável pela indicação de Mandetta ao ministério da Saúde, declarou que as decisões do presidente da República na área de saúde não alcançarão o estado de Goiás.  Por seu turno o ministro Mandetta teria dito a aliados que vai manter seu posicionamento no sentido de recomendar que se mantenha o isolamento social generalizado, e não, “vertical” (aquele em que só de idosos e pessoas com doenças preexistentes) como defendeu Bolsonaro no seu surto psicótico de ontem. 

Fato é que o país não tem um presidente, não tem lideranças capazes estão todos com medo, tanto que Dória ocupa esse vazio de forma bastante adequada.

Mas o que vem a seguir? Pode ser o caos na economia, que decorre da evidente incapacidade de Guedes e Bolsonaro, ou golpe de Estado caso o congresso siga omisso do debate e o STF siga acovardado.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247