A centenária ABI entra em nova fase, como organização de peso na luta democrática

A partir do dia 13 de Maio a ABI inicia nova gestão, com participação democrática dos associados e aberta à sociedade

www.brasil247.com - Sede da ABI no Rio de Janeiro
Sede da ABI no Rio de Janeiro (Foto: Divulgação)


Por José Reinaldo Carvalho - A partir desta sexta-feira, 13 de Maio, a Associação Brasileira de Imprensa abre uma nova página em sua centenária história de lutas pela liberdade de expressão e o Estado democrático de direito no país.

Com a retumbante vitória do Movimento ABI Luta Pela Democracia nas eleições de 29 de abril, quando obteve cerca de 58% dos votos dos filiados, a tradicional Casa dos Jornalistas volta a se abrir aos associados, à comunidade de jornalistas do país e às forças democráticas, como centro irradiador dos ideais de liberdade e polo de aglutinação de forças sociais e personalidades comprometidas com a defesa do sistema democrático e a soberania nacional, herdando o mais elevado e digno legado de líderes do passado. Destaco, pela importância histórica, a figura de Barbosa Lima Sobrinho - e ao mencioná-lo tenho certeza de abarcar muitos -, que de maneira sábia e comprometida dizia que no Brasil há dois partidos, o de Tiradentes e o de Silvério dos Reis, dando ênfase ao patriotismo como marca indelével do empenho dos democratas brasileiros pela soberania nacional. 

A entidade será liderada no triênio que se inicia agora pelo presidente Octávio Costa e a vice-presidente Regina Pimenta, dois jornalistas experientes, cujas carreiras profissionais se caracterizam pela dedicação à verdade e à judiciosa interpretação dos fatos. Nos veículos em que atuaram e atuam adquiriram rica experiência de valor pedagógico para as novas gerações de jornalistas. Como cidadãos e sindicalistas dedicaram o melhor de si à luta pelos direitos dos profissionais do jornalismo e pela democracia no país. Ao destacar o seu papel, quero homenagear também os veteranos jornalistas, sempre jovens e bem dispostos, que iluminaram o nosso movimento vitorioso com sua lucidez e pertinácia: Ivan Proença, Davi Fichel, Vitor Iório, Irene Cristina, Glória Alvarez, Ágata Messina, Leda Beck e Arnaldo Cesar, entre outros.  

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Agora à frente da ABI, Octávio e Regina vão liderar lutas atuais, dos jornalistas e de toda a sociedade: pela regulamentação da profissão, com ampliação dos direitos sociais dos jornalistas; pela democratização da comunicação social, pelo fim dos monopólios, com proibição de propriedade cruzada de meios; por transparência e participação da sociedade no processo das concessões de rádio e TV e pela ampliação do número de concessões de rádio e TV para organizações públicas e comunitárias. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No plano mais geral, a ABI vai adensar o combate pela liberdade de expressão, a democracia e o fim do governo de extrema-direita. Na tradição patriótica citada acima, a entidade estará nas primeiras filas da luta contra o entreguismo do patrimônio nacional e pelo desempenho de um papel protagonista do país na arena internacional, como fator favorável à multipolaridade, ao exercício do verdadeiro multilateralismo e respeito mútuo como método de relacionamento entre nações soberanas, pela autodeterminação dos povos, o desenvolvimento compartilhado, a segurança coletiva e a paz mundial. 

Ressalto que a vitória do movimento ABI Luta pela Democracia foi fruto do respaldo alcançado pelo Plano de Ação, um programa de trabalho voltado para o soerguimento da entidade, por uma gestão colegiada, participativa, aberta a todos os associados, distante das tendências burocráticas e de gestão fechada em pequeno grupo, cristalizadas em concepções que foram derrotadas nas eleições de 29 de abril. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Movimento ABI Luta pela Democracia se mostrou uma corrente de pensamento e ação democrática, acolhedora, agregadora, coletiva e representativa. Por isso foi capaz de mobilizar o apoio de centenas de jornalistas que fizeram uma campanha empolgante.  

Os 49 integrantes do movimento vitorioso têm diante de si enormes desafios. Felizmente, contamos com discernimento, unidade e apoio na categoria, garantias de que seremos um coletivo inteiramente dedicado à causa com que nos comprometemos. 

Com espírito democrático e convergente, na construção da unidade na diversidade, não tenho dúvida de que entre os que ainda não integram o movimento ABI Luta Pela Democracia e os que legitimamente marcharam com a chapa vencida, são muitos os que estarão dispostos a fazer uma nova caminhada conosco. A unidade e a visão ampla são indispensáveis para a ABI alcançar seus grandiosos objetivos. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fui honrado com a eleição como membro efetivo do Conselho Deliberativo da ABI e compartilho com toda a comunidade do nosso grupo de comunicação - o Brasil 247, maior e mais importante veículo independente e progressista do país - a alegria de estar lado a lado no corpo diretivo eleito de outros colegas do mesmo grupo, designadamente Tereza Cruvinel (Conselho Consultivo), Marcelo Auler, Mário Vítor Santos, e o colunista Weiller Diniz, todos do Conselho Deliberativo.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:  

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email