A força dos movimentos sociais mobiliza o País

Mais uma vez, as forças democráticas e de esquerda demonstraram nas ruas e nas redes o seu mais veemente repúdio ao golpismo de ocasião

20/08/2015- São Paulo- SP, Brasil- Manifestação contra o impeachment de Dilma, na avenida Paulisa, em São Paulo. Foto Paulo Pinto/Agencia PT
20/08/2015- São Paulo- SP, Brasil- Manifestação contra o impeachment de Dilma, na avenida Paulisa, em São Paulo. Foto Paulo Pinto/Agencia PT (Foto: Alberto Cantalice)

Mais uma vez, as forças democráticas e de esquerda demonstraram nas ruas e nas redes o seu mais veemente repúdio ao golpismo de ocasião.

Mobilizando-se desde o início da manhã deste já histórico dia 20 de agosto, a militância do PT e das demais forças progressistas ocuparam as ruas de todos os estados da federação e ainda emplacaram a hastag #BrasilDaDemocracia nos Trending Topics mundial.

A força mobilizadora dessa sequência de atos públicos, que para além das capitais espraiou-se por vários municípios, foi o sentimento de que é preciso estancar a proliferação do "ódio" e da intolerância disseminados por aqueles que nunca tiveram compromisso com as reivindicações das camadas populares.

Nesta quinta-feira, o que se viu foi o exercício da unidade de propósitos dos que sabem que qualquer forma de retrocesso não interessa aos trabalhadores.

Cabe destacar que teremos que avançar para que as próximas manifestações se realizem nos finais de semana. É esse o desejo de grande parte dos participantes, bem como de muitos que, por variadas razões, não puderam comparecer.

Para além dos números de presenças, o que de mais significativo fica é a exigência de que as forças populares devem ocupar as ruas e as redes permanentemente para que as vozes dos verdadeiros democratas e progressistas seja sempre ouvida.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247