A saga do Capitão-Mor Jair Bolsonaro e seus jagunços imbecis

Bolsonaro é a alma viva e real de um truculento Capitão-Mor das capitanias hereditárias coloniais, agora sob às ordens do governo americano, agredindo as pessoas publicamente e declarando impunemente que usa o patrimônio público em benefício da família

(Foto: ADRIANO MACHADO - REUTERS)

Ninguém pode ficar surpreso com as irracionalidades demonstradas diariamente por Jair Bolsonaro e nem com suas posições de humilhação perante o governo Donald Trump, uma vez que seus eleitores votaram nele sabendo que ele bateu continência para a bandeira americana em outubro de 2017 e que sempre foi autoritário, pouco inteligente e jamais escondeu isso.

Hoje, Bolsonaro é a alma viva e real de um truculento Capitão-Mor das capitanias hereditárias coloniais, agora sob às ordens do governo americano, agredindo as pessoas publicamente e declarando impunemente que usa o patrimônio público em benefício da família.

Faz isso sob o apoio e proteção interna de jagunços (nas palavras de Jessé Souza, “imbecis perfeitos”) dispostos a criticar, perseguir e violentar aqueles que criticarem ou denunciarem as falcatruas na colônia.

Assim, sucedem-se as declarações estapafúrdias de um Presidente da República diante da omissão de nossas instituições, que estão completamente desmontadas para reagir contra o programa de colonização em curso no Brasil, uma vez que compactuaram, desmoralizaram-se e fizeram o vergonhoso papel de dóceis vassalos do mercado financeiro internacional.

Nesse contexto, descortina-se com as revelações da Vaza Jato, que boa parte do Poder Judiciário e a Lava Jato abdicaram completamente de suas imparcialidades, do compromisso com a Constituição Federal para mergulhar num antipetismo fanático, entreguista, cego, colonialista e irresponsável. Essa aventura irresponsável que, além de parir o bolsonarismo e seus jagunços imbecis, custará muito caro ao futuro dessas instituições e de nosso país.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

blog

Queimar para entregar

"Esse governo foi eleito para rifar o Brasil até a sua última gota de riqueza. Bolsonaro vai deixar queimar a Amazônia e de brinde destruirá o agronegócio do Brasil que sofrerá pesados embargos...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247