Ai, Jesus, já estão demonizando o samba enredo da Mangueira, mas “a verdade vos fará livre”

Ai, Jesus. Não demorou e já tem gente vendo demônio no samba enredo da Mangueira “A verdade vos fará livre”, de Manu da Cuíca e Luiz Carlos Máximo. “Blasfêmia berram os fundamentalistas. Tudo isso porque o samba enredo da Mangueira mostra um Jesus Cristo humano, feito a gente. Ué, e não é para ser assim?

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ai, Jesus. Não demorou e já tem gente vendo demônio  no samba enredo da Mangueira  “A verdade vos fará livre”, de Manu da Cuíca e Luiz Carlos Máximo.  “Blasfêmia berram os fundamentalistas. Tudo isso porque o samba enredo da Mangueira mostra um Jesus Cristo humano, feito a gente. Ué, e não é para ser assim?

Meu Deus, que momento é este em que estamos vivendo?

Os preconceituosos não poderiam ver uma letra como esta sem querer oprimir, proibir, vetar, demonizar:

Eu sou da Estação Primeira de Nazaré
Rosto negro, sangue índio, corpo de mulher
Moleque pelintra do buraco quente
Meu nome é Jesus da genteNasci de peito aberto, de punho cerrado
Meu pai carpinteiro desempregado
Minha mãe é Maria das Dores Brasil
Enxugo o suor de quem desce e sobe ladeira
Me encontro no amor que não encontra fronteira
Procura por mim nas fileiras contra a opressãoE no olhar da porta-bandeira pro seu pavilhão

No entanto, como diz a letra,  “Mangueira / Vão te inventar mil pecados / Mas eu estou do seu lado / E do lado do samba também.

Neste link, o vídeo de uma professora que comenta o samba enredo estrofe por estrofe, deixando bem claro que a música nada tem contra Jesus, só a favor. Aliás, o blog não descobriu o nome da professora. quem souber e quiser nos ajudar, envie o nome dela para o [email protected]

Deus lhe pague!

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247