Bolsonaro dá embaixada nos EUA de presente de aniversário para o filho; não é fake news

A indicação do filho para a embaixada, como presente, também representa o grau máximo da subserviência aos interesses dos Estados Unidos. Mais fiel aos gringos que Bolsonaro não há em lugar nenhum do mundo. Coisa rara, portanto, diz o jornalista Esmael Morais

Eduardo Bolsonaro quer ser o presidente
Eduardo Bolsonaro quer ser o presidente (Foto: Paola de Orte/Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deu de presente de aniversário para o filho, Eduardo, a embaixada dos Estados Unidos. Pasme, caro leitor, e não é fake news.

“Da minha parte, eu me decidi agora, mas não é fácil uma decisão como esta estando no lugar dele e renunciando ao mandato”, afirmou o capitão em entrevista a jornalistas. Bolsonaro, porém, fez suspense: “Apesar de ser meu filho, ele tem de decidir.”

Pelo Twitter, Bolsonaro comemorou na madrugada o aniversário de Eduardo: “Hoje meu 03 completa mais um ano de vida. Parabéns, Eduardo @BolsonaroSP! Sucesso e felicidades! Que Deus o abençoe!”

Deputado federal pelo PSL de São Paulo, Eduardo Bolsonaro, 35 anos, teve a festa decorada ontem (10) com balões de Minions e bandeira dos EUA. Ele recebeu os parabéns após a aprovação da reforma da previdência na Câmara, por volta das 21h.

O argumento de Bolsonaro, além do presente de aniversário, é que Zero Três é amigo de Donald Trump (presidente norte-americano) e fala inglês e espanhol.

A indicação do filho para a embaixada, como presente, também representa o grau máximo da subserviência aos interesses dos Estados Unidos. Mais fiel aos gringos que Bolsonaro não há em lugar nenhum do mundo. Coisa rara, portanto.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247