Bolsonaro perdeu nas pesquisas e nas urnas

"Bolsonaro tenta demonizar as pesquisas porque sabe que elas vão apontar, de novo, Lula em primeiro e ele em segundo", diz o jornalista Alex Solnik

www.brasil247.com - Jair Bolsonaro vota no Rio de Janeiro 02/10/2022
Jair Bolsonaro vota no Rio de Janeiro 02/10/2022 (Foto: Andre Coelho/Pool via REUTERS)


Na reta final do primeiro turno, Bolsonaro espalhou aos quatro ventos que ganharia com 60% dos votos.As pesquisas afirmavam que ele seria o segundo e Lula, o primeiro. As urnas confirmaram as pesquisas. 

Como a tática de desacreditar as urnas falhou, ele parte, agora, para desacreditar as pesquisas que, no fundo, o ajudaram. 

Foi por terem demonstrado a possibilidade de Lula liquidar a fatura no primeiro turno que eleitores que tinham intenção de votar em Simone ou Ciro no primeiro e em Bolsonaro no segundo, resolveram votar em Bolsonaro no primeiro, diminuindo a diferença em relação ao líder.

Bolsonaro tenta demonizar as pesquisas porque sabe que elas vão apontar, de novo, Lula em primeiro e ele em segundo, pois os eleitores de Simone e de Ciro que eram bolsonaristas já votaram nele. Os que eles mantiveram tendem a votar em Lula agora.

E Bolsonaro não tem mais de onde tirar votos (dentre os candidatos derrotados) a não ser dos nanicos Soraya Tronicke e Felipe D’Ávila, que são migalhas.

Governadores oportunistas de Minas, Rio e São Paulo, que no primeiro turno esconderam (e até repudiaram) Bolsonaro temendo que lhes tiraria votos ficaram empolgados com o resultado das urnas - ele não perdeu de goleada - e pularam no barco dele.

Resta saber se seus eleitores - e quantos - vão pular também.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247