Brasil 2020: hienas no poder, mortos de fome nas ruas e impasse na esquerda

A jornalista Laís Gouveia aponta que o Brasil “está entregue ao governo de hienas perversas, enquanto uma população padece de fome”. “Enquanto seres humanos se confundem com ratos nas latrinas, a esquerda vive um impasse para construir uma frente para disputar com fôlego as eleições de 22. E sim, temos um Moro vindo com tudo”, acrescenta ela

Bolsonaro Pobreza
Bolsonaro Pobreza (Foto: Reuters | ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Nem vou entrar no mérito aqui dos indicadores econômicos que apontam o fim da indústria brasileira e a taxa de desemprego que caiu de forma tímida, atingindo 11%, que foi comemorado com louvor pela mídia corporativista, omitindo o fato do mercado informal que escraviza a população brasileira. (Skaff mandou lembranças). 

Hoje eu quero falar de fome e a divisão social que o Brasil vive e falta de perspectiva para vencer tal situação. Enquanto um mundo prega o novo Brasil pseudo-ufanista de costumes assexuados, em uma cruzada neopetencostal, chucra e extremamente brega (meu deus, como esse povo é brega), travando uma guerra ideológica contra o “marxismo cultural”, um outro mundo padece com uma outra questão. Esta sim urgente, relevante, e que o governo ignora: A fome. 

Eu moro em SP há 11 anos. Nunca vi nada igual. A não ser que o cidadão more em Alphaville e vá todos os dias de helicóptero para o trabalho, alguma coisa ele percebeu nos últimos anos.

PUBLICIDADE

Tá complexo, meus amigos. É a máquina de moer gente agindo sem pudor. Criança, idoso, jovem, chefes de família que perderam seus empregos e por consequência suas moradias.

Famílias inteiras em suas barracas, que pedem desesperadamente por um prato de comida. 

PUBLICIDADE

Crianças, aos montes, nas portas das farmácias vendendo panos de prato. Pais com seus bebês no colo pedindo esmolas na porta do metrô. Enquanto isso, bora gastar tufos de dinheiro com programa de abstinência sexual e comprando o Congresso para aprovar as reformas maléficas do “Chicago boy”.  É a festa. Quem dá mais? 

Pessoas estão morrendo de fome. E sabe o que o bando de hienas fazem? Cortes e mais cortes no  bolsa família. Programa fundamental, que deu dignidade para tantos brasileiros. 

E  futuro? Sombrio. 

Enquanto seres humanos se confundem com ratos nas latrinas, a esquerda vive um impasse para construir uma frente para disputar com fôlego as eleições de 22. E sim, temos um Moro vindo com tudo, implantando seu Estado policial. Ele sim, que odeia pobre, tem força para vencer uma eleição e moer mais pobres em suas latrinas. 

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE

Apoie o 247

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email