Brasil, Brasis

"A crise vai ser solucionada no dia seguinte à posse do governo golpista", diz o colunista Aderbal Freire-Filho, para quem todos os problemas do País desaparecerão, como num passe de mágica, após a posse de Michel Temer; "O que custa resolver a crise do Brasil dos jornais? Os donos do Brasil dos jornais preparam novos gráficos que destaquem os índices positivos de crescimento e escondam os índices negativos, exatamente ao contrário de como vêm fazendo desde que perderam as eleições de 2014. E é assim que todos os problemas do Brasil vão acabar", prevê

RJ - CONFER�NCIA/OMS  - GERAL - O presidente da Rep�blica em Exerc�cio, Michel Temer, concede   entrevista ap�s a cerim�nia de abertura da confer�ncia da     Organiza��o Mundial de Sa�de (OMS), sobre determinantes sociais da   sa�de, no Forte de Copacaban
RJ - CONFER�NCIA/OMS - GERAL - O presidente da Rep�blica em Exerc�cio, Michel Temer, concede entrevista ap�s a cerim�nia de abertura da confer�ncia da Organiza��o Mundial de Sa�de (OMS), sobre determinantes sociais da sa�de, no Forte de Copacaban (Foto: Aderbal Freire-Filho)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Este não é o Brasil.

Carlos Drummond de Andrade

Sempre que algum amigo me dizia que um governo golpista não ia vingar, porque não seria capaz de solucionar os problemas do Brasil a curto e médio prazo, eu respondia: não confie nisso, um governo golpista vai solucionar os problemas do Brasil a curtíssimo prazo. Não os problemas do Brasil real, mas este Brasil não importa.

O que vale é o Brasil dos jornais. O Brasil dos “brasileiros” que só acreditam em votos se eles forem votos por Deus, pela família e pelos torturadores. É nesse Brasil que eles acreditam. O Brasil descoberto por Merval. O Brasil do Skafeder-se dele. Pois nesse Brasil que não existe, o governo golpista vai solucionar todos os problemas no dia seguinte à posse. Duvidam? Dou um exemplo: basta tirar as palavras “apesar da crise” de circulação que já se dá uma grande melhorada. Imaginem o avanço imediato desse Brasil se frases como “o réveillon foi um sucesso apesar da crise”, “o carnaval foi um sucesso apesar da crise”, etc, tiverem esse aposto deposto? O que custa resolver a crise do Brasil dos jornais? É simples assim.

Eu disse que a crise vai ser solucionada no dia seguinte à posse do governo golpista e já me corrijo. O Brasil (lá deles, como dizem os baianos) já melhorou bem antes disso; quando todos os amigos me achavam otimista, eu ainda era pessimista. Pois a Olimpíada do Rio já é um sucesso, antes mesmo da posse Temerária, como pode comprovar quem tiver visto um destaque da primeira página da Folha nesta semana: “Rio está mais adiantado para a Olimpíada do que estava para a Copa.” Ou seja, a mesma Folha de São Paulo que falava até outro dia dos problemas que o Brasil não ia resolver a tempo para as Olimpíadas, que destacava o cancelamento de provas de teste por atraso nas obras, já deu uma adiantada e tanto nessas obras. Bom, a empreiteira FSP não deve nada a Lava-Jato, pode ser rápida nas suas obras, assim como não devem nada o presidente Michel Temer e o vice-presidente Eduardo Cunha. E mais de 100 dos 367 eleitores deles. Nesse Brasil, a realidade é o que eles querem que seja.

O que custa resolver a crise do Brasil dos jornais? Os donos do Brasil dos jornais preparam novos gráficos que destaquem os índices positivos de crescimento e escondam os índices negativos, exatamente ao contrário de como vêm fazendo desde que perderam as eleições de 2014. E é assim que todos os problemas do Brasil vão acabar. Vai dar no jornal que refinarias batem recordes diários de produção de petróleo, a crise econômica é internacional e aqui nós até que estamos bem, o setor tal e tal do comércio têm tido desempenhos melhores do que nos últimos anos, a safra do feijão mulatinho vai ser recorde no nordeste, a indústria (de patos) voltou a empregar, a ciclovia da Av. Paulista desabou em frente ao Palácio Fiesp, atual sede do governo, e a ciclovia da Av. Niemeyer é saudada no mundo inteiro pelos atletas internacionais de parkour por ter o obstáculo urbano mais bem planejado do mundo.  Simples assim.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email