Cristiane e os leopardos - que mico foi esse?

Enquanto comemoram a condenação de Lula, os coxinhas fazem vista grossa para a roubalheira que os políticos que eles ajudaram a colocar no poder, estão praticado. Em terra firme ou em alto mar, a quadrilha de Michel Temer, está fazendo a festa e barrando o povo na entrada. Um verdadeiro deboche. Já passou da hora da senzala invadir a casa grande, acabar com a festa e afundar o barco com todos eles dentro

cristiane brasil
cristiane brasil (Foto: Nêggo Tom)

Ah, Tiririca! Como você estava enganado. Quem disse que pior do que está não fica? E para derrubar a sua tese, a direita golpista sempre encarrega de nos apresentar fatos novos e provas concretas de que tudo pode piorar e muito. 

Em um vídeo publicado no Facebook, a deputada federal e ministra impedida, Cristiane Brasil, resolveu mandar um recado ao povo brasileiro, se defendendo da condenação a ela imputada, por não ter pago os direitos trabalhistas de seu ex-motorista. Para quem não sabe, a filha de Roberto Jefferson foi condenada pela justiça do trabalho, a pagar 60 mil reais a seu ex funcionário e ainda responde a outros dois processos pelo mesmo motivo.

No vídeo, ela aparece em alto mar, a bordo de uma lancha, com música eletrônica de fundo e acompanhada por quatro homens, aparentemente ex Gogo Boys aposentados, o que sugere uma espécie de proteção a deputada. Segundo palavras de Cristiane Brasil: "Todo mundo tem o direito de pedir qualquer coisa na justiça.  Todo mundo pode pedir qualquer coisa abstrata. Mas o negócio é o seguinte: quem é que tem direito? Ainda mais na justiça do trabalho" Ou seja, a quase ministra nos induz a pensar que a justiça do trabalho é uma bagunça.

Na sequência, ela jura, pela honestidade do pai, que não sabia que estava devendo alguma coisa aos ex funcionários que a acionaram na justiça e disse que vai provar em breve. Um dos leopardos que dividia a cena com a deputada, quebrou o protocolo da figuração e se apresentou como empresário e vítima de ex funcionários que também o acionaram na justiça. Segundo esse amigo da deputada, ações trabalhistas qualquer um pode ter e isso não significa nada.

Para finalizar o filme publicitário, que pode ser intitulado de "Que mico foi esse?", devido ao conteúdo nele apresentado, Cristiane, etilicamente, digo, visivelmente confusa, questionou o que se passa na cabeça das pessoas que movem ações trabalhistas contra eles. Ora, deputada! Talvez a senhora não saiba, mas quando alguém nos deve alguma coisa, temos o direito de cobrar. E a justiça é a via mais recomendável para se efetuar tal cobrança. 

O que não é recomendável, é uma parlamentar se apresentar publicamente, tendo um bate estaca de fundo e com cara de fim de festa rave, para passar atestado de otário no povo. Será que a sua vergonha na cara acabou, junto com a corrupção que os paneleiros bravamente combateram? E por falar em paneleiros, qual será a opinião deles sobre a nova, impedida, liberada e novamente impedida, ministra do trabalho? Não me lembro de tê-los visto protestando contra a posse de Cristiane. Será que ela é o tipo de político que tem o perfl do país que eles queriam de volta? 

Enquanto comemoram a condenação de Lula, os coxinhas fazem vista grossa para a roubalheira que os políticos que eles ajudaram a colocar no poder, estão praticado. Em terra firme ou em alto mar, a quadrilha de Michel Temer, está fazendo a festa e barrando o povo na entrada. Um verdadeiro deboche. Já passou da hora da senzala invadir a casa grande, acabar com a festa e afundar o barco com todos eles dentro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247