E Luiza deu uma chega pra lá no mau agouro

A dona das lojas Magazine Luiza colocou os integrantes do programa Manhattan Connection, da Globo News, no canto do ringue. Os desmascarou e os fez exibirem sorrisos amarelos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

É bem provável que a maioria das pessoas, mesmo as que se intitulam bem informadas, não saiba quem é Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues. Ela saiu de Franca, interior de São Paulo e, no seu ramo de atividade, vem conquistando o Brasil.

Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues é a dona das lojas Magazine Luiza, empresa com mais de 700 lojas espalhadas pelo país. Luiza também faz parte do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) do governo federal. Esse é um espaço que reúne diversos setores da sociedade para debater políticas econômicas e sociais.

Mas o que tem Luiza de tão especial, além do fato de ser bem sucedida nos negócios como tantos outros empresários do país? Bem, Luiza colocou os membros do programa Manhattan Connection, da Globo News, no canto do ringue. Os desmascarou e os fez exibirem sorrisos amarelos.

Manhattan Connection é um programa feito para o topo da pirâmide (na verdade, hoje no país é um losango) social do Brasil. Mas não só assistido por ele, mas por quem sonha em ser como os que estão na parte de cima. A maioria dos participantes está nos Estados Unidos e Europa, onde tudo é muito melhor e aqui, em nosso país, nada presta. Deveríamos fechar as portas e vender tudo para a Amazon.

Vender algo para a Amazon foi um dos pontos altos da participação de Luiza no programa da Globo News. Ao ser interrogada por Diogo Mainardi sobre "quando" ela iria vender as lojas Magazine Luiza para a Amazon. Não sem antes soltar seu olhar enviesado sobre a economia do país.

Luiza, além de deixá-lo com as calças na mão, se ofereceu para fornecer os dados corretos e, para a tristeza de Mainardi, disse que já atua no mercado de vendas virtual há um bom tempo.

Voltando ao início do programa, Luiza logo é provocada. É dito pelos membros da bancada que ela teria atribuído a "crise na economia" à imprensa. Com muita sagacidade, ela desmente os globais. "O que eu disse é que o brasileiro sempre coloca o lado do copo vazio e a imprensa também sempre coloca o lado do copo vazio".

O tempo todo, a bancada do Manhattan Connection tentar impor uma visão de que o mercado varejista no país está à beira da bancarrota. Inadimplência galopante é o carro-chefe da distorção. Luiza destrói toda a argumentação, forçando Lucas Mendes, apresentador do programa, a lhe dar razão.

Além da venda de um pessimismo descabido, o antijornalismo é a tônica desse programa. Tudo dentro do padrão Globo de manipulação.

Outros detalhes que talvez pouca gente tenha percebido são a coincidência de nomes entre Luiza e Lula. A dona das lojas Magazine Luiza se chama Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Luiza Inácio e Luiz Inácio. Ambos cometem erros ao usarem o plural das palavras. São simples e diretos na defesa de posições e são do interior.

Se Mainardi tiver percebido as coincidências, provavelmente não dormiu bem na noite após o programa.

Assista aqui à participação de Luiza no Manhattan Connection

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247