Eleitores de Ciro e Simone garantem vitória de Lula

"Como 92% não pretendem mudar o voto e nem Lula nem Bolsonaro têm mais de onde tirar votos, o Ipec até parece o resultado final dessa eleição", diz Alex Solnik

www.brasil247.com - Simone Tebet, Ciro Gomes e Lula
Simone Tebet, Ciro Gomes e Lula (Foto: Reprodução | Ricardo Stuckert | ABR)


Os números se encaixam. 

Lula teve 48,5% dos votos válidos no primeiro turno e na pesquisa Ipec de ontem aparece com 55%. Em números de eleitores significa 8,5 milhões de votos a mais em relação aos 57 milhões que recebeu. Ciro e Simone, somados, tiveram 8,5 milhões de votos. 

Bolsonaro obteve 43,2% dos votos válidos no primeiro turno e no Ipec de ontem tem 45%, o que equivale a 2,4 milhões de eleitores a mais em relação aos 51 milhões que recebeu. Soraya, Felipe D’Ávila e Padre Kelmon somaram 1,2 milhão de votos.

Está na cara que os eleitores que votaram em Simone e Ciro no primeiro turno já estão com Lula.

E os que votaram em Soraya e Felipe D’Ávila (mais parte de indecisos e nulos) já estão com Bolsonaro.

Como 92% dos eleitores não pretendem mudar o voto e nem Lula nem Bolsonaro têm mais de onde tirar votos (e não ser um do outro), o Ipec de ontem até parece o resultado final dessa eleição.   

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247