Fux cria jurisprudência do absurdo e institucionaliza a censura

Se alguém ainda tinha dúvidas de que estamos vivendo sob uma ditadura de togas, a máscara caiu de vez hoje, 29 de setembro de 2018, com a posição exdrúxula, absurda, e criminosa do ministro - que não é digno da toga do STF - Luiz Fux. Esta criatura togada está envergonhando o Brasil e o STF como instituição

Fux cria jurisprudência do absurdo e institucionaliza a censura
Fux cria jurisprudência do absurdo e institucionaliza a censura (Foto: Marcelo Camargo - ABR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fux acaba de criar a jurisprudência do absurdo.

É uma vergonha, uma imoralidade, a suspensão da liminar concedida pelo ministro Ricardo Lewandowski, permitindo ao ex-presidente Lula conceder entrevista à imprensa.

Se alguém ainda tinha dúvidas de que estamos vivendo sob uma ditadura de togas, a máscara caiu de vez hoje, 29 de setembro de 2018, com a posição exdrúxula, absurda, e criminosa do ministro - que não é digno da toga do STF - Luiz Fux.

Esta criatura togada está envergonhando o Brasil e o STF como instituição.

Nunca na história deste país um ministro do STF cassou uma decisão liminar de outro ministro da Suprema Corte.

Os ministros tem direitos de decisão iguais e Lewandowski tem, inclusive, muito mais tempo de casa que Fux.

Para atrair os holofotes, aparecer, agradar à direita brasileira e seus movimentos radicais, Fux não se importa de violar o que resta da democracia brasileira, e humilhar o maior líder político desde país.

É necessário que a Nação brasileira se levante contra essa ditadura de togas que está institucionalizando a ilegalidade e a volta da censura no Brasil.

Se Fux não concordava com a decisão de Lewandowski que levasse ao plenário para que a nova decisão fosse colegiada, mas não deveria jamais decidir arbitrariamente dando simplesmente uma liminar para cassar outra.

Há de se perguntar: que medo Fux tem de Lula? Por que cercear sua voz? Por que impedir que fale para a Nação?

Bandidos sanguinários deste país não foram impedidos de falar. Já vi na tevê entrevistas de estupradores, pistoleiros, condenados por todo tipo de crime.

Agora, o Lula, o líder mais popular deste país, não pode falar porque assim decide arbitrariamente um ministro do Supremo.

Ë necessário que a Nação brasileira acorde e se posicione contra este comportamento, irresponsável e anti-democrático de um ser que não está preparado para ocupar a cadeira que ocupa no STF.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247