Globo anuncia campanha sórdida contra Lula

Porta-voz da família Marinho, Merval Pereira alerta: “surgem fatos que retiram as chances de candidatos”

www.brasil247.com - Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o jornalista Merval Pereira
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o jornalista Merval Pereira (Foto: Reprodução)


Por Juca Simonard

Em coluna publicada nesta quinta-feira, 30, Merval Pereira, porta-voz da família Marinho, anunciou veladamente que a Globo prepara uma campanha sórdida contra o ex-presidente Lula (PT). Afinal, os golpistas não deram um golpe de Estado contra o PT para permitir que voltasse ao poder tão facilmente.

“Surgem fatos que retiram as chances de candidatos”, escreveu Merval, após fazer um retrospecto de como alguns “fatos” prejudicaram candidatos em eleições passadas. “Tudo indica que novos fatos surgirão no caminho durante a campanha, outros serão relembrados na propaganda oficial, levando a que dificilmente Lula vença no primeiro turno”, continuou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A afirmação não pode ser vista como uma mera declaração ao vento. Trata-se de um anúncio. Em ano eleitoral, a Rede Globo pretende usar todos os seus manjados truques sujos para impedir a volta do PT. Finalmente, a Globo oscila entre dois candidatos golpistas, que defendam a política econômica neoliberal contra o povo brasileiro: a “terceira via”, preferencialmente, e Jair Bolsonaro, se ele novamente for preciso para barrar a esquerda. Lula está fora dos planos da burguesia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E Merval já deu o indício de como será feita a campanha venenosa contra o candidato petista, cujo “passado condena”, segundo ele. “As cenas do mensalão e do petrolão serão reavivadas, e mesmo a Lava-Jato, destroçada com o auxílio de Bolsonaro, será ressuscitada por ele na campanha. Se Simone Tebet conseguir unificar MDB e PSDB, o que parece quase uma missão impossível, pode ter uma brecha para explorar”, anunciou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As declarações do porta-voz principal da Globo revelam que, ao contrário do que acredita o otimismo cego de setores da esquerda, eleger Lula será uma verdadeira guerra. Consistirá em lutar contra uma campanha venal da burguesia golpista, dividida entre ela, mas unificada contra a volta do PT. E Lula precisa apelar à sua principal força política: o povo mobilizado na rua e nos sindicatos – justamente o que a burguesia ‘aconselha’ a não fazer; como disse Merval:

“Lula nunca foi eleito devido às plataformas radicais de seus ‘aloprados’, mas a sua capacidade de composição com o centro, mesmo que por meio de métodos sujos”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se a Globo diz, é preciso fazer o contrário.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email