Grupo dos 11 não tem votos para aprovar impeachment

"O Grupo dos 11, criado pelo atual presidente da Câmara, totaliza 245 deputados, se considerarmos que todos vão continuar apoiando o candidato da aliança, Baleia Rossi", escreve Alex Solnik, do Jornalistas pela Democracia. "Faltam, portanto, quatro votos para eleger Baleia no primeiro turno (são necessários 249), mas 85 para o impeachment"

(Foto: ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Alex Solnik, do Jornalistas pela Democracia

Diz o regimento do Congresso Nacional que um processo de impeachment contra o presidente da República tem que ser aprovado por 2/3 das duas casas.

A Câmara, atualmente com 496 deputados, precisa reunir em torno de 330 votos; o Senado, com 81 parlamentares, requer 54 votos a favor.

Pois bem.

O Grupo dos 11, criado pelo atual presidente da Câmara, totaliza 245 deputados, se considerarmos que todos vão continuar apoiando o candidato da aliança, Baleia Rossi (e já contabilizados 50% de deputados do PSL para cada lado).

Faltam, portanto, quatro votos para eleger Baleia no primeiro turno (são necessários 249), mas 85 para o impeachment, que teriam de ser arrebanhados no grupo que apoia Arthur Lira e que é o candidato de Jair Bolsonaro.

Com que argumentos o grupo de Maia convenceria 85 deputados bolsonaristas a mudar de lado? Que contrapartida receberiam para aprovar o impeachment?

No Senado, a situação é mais desfavorável ainda.

São 81 senadores, 45 dos quais filiados aos mesmos partidos do Grupo dos 11, o que é suficiente para eleger o presidente do Senado, que exige maioria simples, - e que deverá ser Rodrigo Pacheco, do MDB - mas insuficiente para um impeachment, que demanda 54 votos.

De novo: como convencer nove senadores bolsonaristas a aprovar impeachment de Bolsonaro?

Nenhum processo de impeachment começa se seus defensores não tiverem certeza da vitória.

Porque, se perdem para um presidente da República, e principalmente um presidente da Repúbuica sem escrúpulos as consequências podem ser terríveis.

Portanto, antes de exigir de Baleia Rossi o compromisso de iniciar um impeachment, a oposição precisa combinar com os russos.

(Conheça e apoie o projeto Jornalistas pela Democracia)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247