Idiótes

Onde estão os idiótes que foram às ruas das principais cidades do país lutar contra a corrupção, apoiando um golpe, coreografando danças patéticas, externando ódio de classe aos mais pobres, nos dias de hoje? Onde estão os defensores da pátria quando o clã Bolsonaro é investigado por esquemas de corrupção? Onde estão?

Idiótes
Idiótes (Foto: REUTERS/Sergio Moraes)

O mundo grego nos legou muitas heranças: o princípio da isonomia, isto é, todos somos iguais perante a lei; os princípios estruturais dos regimes democráticos, elaborado por Clístenes; o teatro; seus conhecimentos sobre matemática e geometria; além de tantas outras que demoraria demasiado para elencar. Além disto, é desta região montanhosa, localizada na península balcânica, aetimologia do termo idiota.

No mundo grego havia uma grande diferença entre aquilo que era chamado de koinón e o ídion. Por um lado, o primeiro dos termos seria o equivalente a público; já o segundo termo, seria o oposto, ou seja, o privado. Deste último termo, originou-se a expressão idiótes. Ao contrário de seu uso banal nos dias atuais, idiota (xingamento gratuito), no mundo grego esta palavra era empregada de forma crítica, não apenas como um insulto, mas dirigida àqueles que só se preocupam consigo mesmo, com seus assuntos particulares e, portanto, alheios aos interesses públicos.

Dito isto, pergunto: Onde estavam os idiótes quando delataram Aécio Neves por ter recebido mais de trinta milhões de reais? Onde estavam os idiótes quando Michel Temer, novamente, de acordo com delação, recebeu mais de vinte milhões para abrir capital em companhias aéreas? Onde estavam os idiótes quando Geddel tinha mais de cinquenta milhões em dinheiro em seu apartamento? Onde estavam os idiótes quando Romero Jucá tornou-se réu por esquema de corrupção e lavagem de dinheiro com a Odebrecht? Onde estão os idiótes que foram às ruas das principais cidades do país lutar contra a corrupção, apoiando um golpe, coreografando danças patéticas, externando ódio de classe aos mais pobres, nos dias de hoje? Onde estão os defensores da pátria quando o clã Bolsonaro é investigado por esquemas de corrupção? Onde estão?

Sabemos onde estão e como estão: em suas casas, distantes (ou nem tanto) do cinturão de miséria, despreocupados com os rumos da nação, pois, afinal de contas, nunca foi contra a corrupção, foi apenas para garantir a manutenção de seus próprios interesses.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247