Não há mais dúvida: Bolsonaro prepara um golpe de Estado. Esperaremos?

“Depois deste domingo, só há uma pergunta, e não há duas: a esquerda, os democratas, as instituições esperarão pelo golpe de Bolsonaro ou irão salvar a democracia e afastar o fascista antes que seja tarde?” Leia artigo de Mauro Lopes, editor do 247

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Há, depois deste domingo apenas uma pergunta, a grande pergunta, diante do Brasil -e não há duas: a esquerda, os democratas, as instituições esperarão pelo golpe de Bolsonaro ou irão salvar a democracia e afastar o fascista antes que seja tarde?”

O discurso de Bolsonaro diante de uma horda fascista foi definitivo -não sou afeito a expressões que sugiram preconceito, mas não há como definir o agrupamento em Brasília diante do “duce”. Ele afirmou com todas as letras: quer o fim da democracia: “nós não queremos negociar nada, nós queremos é ação pelo Brasil. O que tinha de velho ficou para trás. Nós temos um novo Brasil pela frente. Todos, sem exceção, têm que ser patriotas e acreditar e fazer a sua parte para colocar o Brasil no lugar que ele merece” (...). Acabou a época da patifaria. É agora o povo no poder. Vocês têm obrigação de lutar pelo país de vocês.”

O que esperaremos? Que os militares contenham o fascista? Mas eles estão no poder com ele -ou não estão? Esperaremos o início das prisões? O ataque dos fascistas ao Palácio dos Bandeirantes, à casa de Lula ou de Haddad, uma agressão direta a Rodrigo Maia ou a Gilmar Mendes?

O que espera o PT? O PSOL? O PSB? O PDT? Até o DEM e o MDB e outros. O que esperam? O que espera o STF, o Congresso? O que esperamos?

O risco de esperar está claro: será tarde demais.

É a hora de tirar o fascista do poder. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247