O Death Note (Caderno da Morte) da Força Tarefa da Lava Jato

O Death Note de Dallagnol é o papel timbrado da Força Tarefa. É onde inscreve os nomes de suas deduções. Sem ter provas, mas convictamente creio que o nome que mais aparece nos jornais, revistas e telejornais vistos por Dellagnol é o de Lula, portanto ele é o novo inscrito em seu Death Note jurídico

Estamos nas primeiras horas após o famoso PowerPoint do Ministério Público Federal que aponta Lula como "Comandante Máximo" do crime e praticamente mentor de todas as mazelas que passa o povo brasileiro.

Pretendo fazer uma comparação. Apesar de não ter muito conhecimento sobre Anime (animação japonesa), tomei conhecimento de um Anime extremamente interessante chamado Death Note (Caderno da Morte).

A história de Death Note gira em torno de um jovem secundarista chamado Light Yahgami que descobre um caderno sobrenatural, deixado na Terra propositalmente por Shinigamis, (uma espécie de deus da morte) que fazem isso para deixarem suas vidas sobrenaturais menos entediantes ao observar comportamento humano a partir do desenlace das ações do portador da cópia do Death Note.

Este caderno pode matar pessoas se os nomes forem escritos nele enquanto o portador visualizar mentalmente o rosto de alguém que quer assassinar. A partir daí Light diz que o seu objetivo era matar todos os criminosos, a fim de purificar o mundo do mal e tornar-se o "deus do novo mundo".

Light exerce seu modo de justiça da seguinte forma: acompanha os telejornais e escreve seus nomes no caderno não importando nenhuma circunstância do suposto fato criminoso. Sai na telinha ele tasca no caderno e o cidadão morre. Esse projeto de sociedade não consegue adesão social. É chamado de "Kira" (derivado da pronúncia típica japonesa da palavra inglesa "killer"/assassino).

Esse repetido padrão comportamental faz com que a Policia de Tóquio criasse uma equipe para prender Light que se julgava fazer o bem, porém era o maior criminoso do mundo responsável por milhares de mortes. A equipe da policia é presidida pelo pai de Light, Soichiro Yagami e, sem desconfiar de seu filho, diz que o perfil psicológico de Kira é de alguém com senso de justiça infantilizado. Posteriormente, se junta na caçada de Kira um famoso detetive particular chamado "L", que se torna seu maior rival e ambos travam um incrível jogo psicológico.

Prestes a ser capturado pela Polícia é o Shinigami desta vez, — que possui também um Death Note—, inscreve o nome de Light, pois não tinha o menor interesse de esperar cumprir sua pena. Fim do jogo para o Deus do novo mundo.

É o mesmo diagnóstico hoje que sofre a Força Tarefa cujo "comandante máximo" é Deltan Dallagnol. O Death Note de Dallagnol é o papel timbrado da Força Tarefa. É onde inscreve os nomes de suas deduções. Sem ter provas, mas convictamente creio que o nome que mais aparece nos jornais, revistas e telejornais vistos por Dellagnol é o de Lula, portanto ele é o novo inscrito em seu Death Note jurídico.

Assim como Light Yagami, Dellagnol se considera um enviado de Deus para purificar a sociedade e não aceita perder em qualquer tipo de disputa. É assim que praticamente se coloca perante a sociedade e seus círculos religiosos. Esse é um erro em escala. A partir da condução coercitiva que sofreu, Lula teve razões para criticar o espetáculo da Operação Lava-Jato.

Ocorre que, como o thriller psicológico, MPF caiu na cilada da mídia. Lula, através das mídias, conseguiu provocar tanto os procuradores da Lava-Jato, que eles se precipitaram ainda mais com essa escandalosa denúncia de PowerPoint. Essa denúncia tem seu prólogo quando o Dellagnol lança seu livro As lógicas das provas no processo – Prova direta, indícios e presunções e o ato final quando admite que não tem provas mas apenas convicções que Lula está envolvido como mandante nos crimes citados. Reminiscências da AP 470...

A Força Tarefa perdeu o bom senso e perdeu o jogo, mas Dellagnol ganhou, ao usar dinheiro público do MPF, para, indiretamente promover suas convicções filosóficas.

O risco é se cedo ou tarde o proprietário original do Death Note social, — o povo— decidir inscrever o nome da Força Tarefa no caderno.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Haddad copia Bolsonaro para derrotá-lo em 2022
blog

De oris et anus

A mídia insiste ainda em se esquecer que houve um governo Temer antes do de Bolsonaro, e não do PT. E também apagou de sua memória os fortes indícios de fraude eleitoral em 2018, à luz do que Moro...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247