O povo não aguenta

Cordel de José Pessoa de Araújo: "O povo não aguenta"

pobreza miseria
pobreza miseria (Foto: AGÊNCIA BRASIL)
Siga o Brasil 247 no Google News

Chicote do Pessoa

O povo não aguenta

Por José Pessoa de Araújo

Com o governo atual
O pobre sofre demais
Um quilo de mortadela
Custa quarenta reais
Se for comprar da Ceratti
O preço é muito mais 

Comer carne de primeira
Isso é coisa muito rara
O preço está nas nuvens
Arranca os olhos da cara
Esse jogo vai virar
O povo já se prepara  

PUBLICIDADE

O gás está muito caro
Pobre não pode comprar
Muita gente usa lenha
Para o feijão cozinhar
Isso é um absurdo
Não dá para aguentar

A gasolina está cara
Com preço dolarizado
Se a Petrobras é nossa
Esse preço está errado
Com esse governo ruim
Só o pobre está lascado 

PUBLICIDADE

A maioria do povo
Passa fome no Brasil
É um grande absurdo
Coisa igual nunca se viu
Volta Lula, meu amigo
O nosso país ruiu 

Os pobres deste país
Sofrem muita humilhação
A elite que os explora
Uma raça sem coração
Quem trabalha não desfruta  
Da riqueza da Nação

PUBLICIDADE

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email