PF precisa explicar por que falhou na segurança de Bolsonaro

A Polícia Federal passou recibo de incompetência ao emitir nota oficial sobre o atentado sofrido na tarde desta quinta-feira pelo deputado Jair Bolsonaro, candidato da extrema-direita à Presidência da República

PF precisa explicar por que falhou na segurança de Bolsonaro
PF precisa explicar por que falhou na segurança de Bolsonaro

A Polícia Federal passou recibo de incompetência ao emitir nota oficial sobre o atentado sofrido na tarde desta quinta-feira pelo deputado Jair Bolsonaro, candidato da extrema-direita à Presidência da República.

De acordo com a nota à imprensa, "Bolsonaro contava com a escolta de policiais federais quando foi atingido por uma faca durante um ato público na cidade de Juiz de Fora/MG.".

"O agressor foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia da PF naquele município. Foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato", acrescenta a PF na sucinta nota.

Além de prender o suspeito, é necessário e urgente que a Polícia Federal apure e informe imediatamente à população as reais motivações da agressão a Bolsonaro, em última análise vítima da própria violência que prega em sua campanha presidencial.

Da mesma forma, é preciso que o candidato seja submetido a exame de coro de delito e esclarecer as ligações política do suspeito da agressão, identificado como Adélio Bispo de Oliveira, para que sobre o fato não sobrevenham versões que possam ser exploradas em prejuízo de outras candidaturas.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247