Por que gostam tanto de privatizar

"Gostam de privatizar para ficar com o que nos custou tanto construir. Gostam de privatizar para lucrar sozinhos, enquanto o povo que se lasque. Gostam de privatizar porque sao insensíveis, gananciosos, gelados, indecentes", escreve Hildegard Angel, do Jornalistas pela Democracia

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução | Reuters)


Por Hildegard Angel, para o Jornalistas pela Democracia

Gostam de privatizar para ficar com o que nos custou tanto construir.

Gostam de privatizar para lucrar sozinhos, enquanto o povo que se lasque.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Gostam de privatizar porque sao insensíveis, gananciosos, gelados, indecentes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Gostam de privatizar porque se julgam os donos do Brasil. E são! Porque depuseram Dilma, quando quiseram. Prenderam Lula sem provas, quando bem desejaram. Entregaram o pre-sal, as refinarias, a distribuidora, e até o nome dos postos de gasolina eles mudaram.

Mandam porque, quando decidiram e quiseram, emplacaram um idiota na Presidência do Brasil, com faixa, rampa e Palácio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mandam porque a mídia corporativa come nas suas mãos, e é pra eles que, de verdade, os militares batem continência.

É pra eles que o Judiciário estende no chão suas togas e as páginas da Constituição, para pisarem em cima, sapatearem, requebrarem, sambarem.

São eles que determinam que o povo passe fome, que o Bolsa Família e o Minha Casa Minha Vida sejam extintos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Eles decidem se as indústrias fecham e se o desemprego aumenta. Eles resolvem que os banqueiros sejam entupidos de dinheiro até lhes sair pelas narinas, e que os miseráveis morram de frio sob a chuva, e sem marquise.

Somos só meros trabalhadores, servos, escravos.

Somos figuração nessa comédia em que tucanos de bico largo abocanham tudo, promovem uma grande rachadinha nacional com os corruptos do Centrão (não era assim que os chamava o general Heleno?), e plantam um grande laranjal distribuído entre eles mesmos. Botaram a Petrobras no bolso com todos os penduricalhos.

Enfim, posso me estender aqui até o limite máximo de palavras e de revolta, e não terei dito tudo, e continuarei a ser nada, como os demais brasileiros.

Sem voz, sem esperança, sem ânimo e agora, também, sem futuro.

O país do futuro se tornou um presente monstruoso, graças a seu passado vergonhoso.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email