Um dia de dor e indignação

"Do pela partida de Erasmo Carlos, mas de indignação pela manobra escandalosa do PL de Valdemar Costa Neto", escreve o jornalista Eric Nepomuceno

www.brasil247.com - Erasmo Carlos
Erasmo Carlos (Foto: Reprodução/Facebook)


Por Eric Nepomuceno, para o 247  

A terça-feira, 22 de novembro, foi um dia de imensa, tremenda dor pessoal para mim, com a morte de meu fraterno amigo Pablo Milanés, e de dor nacional pela partida de Erasmo Carlos, habitante permanente da memória de gerações e gerações de brasileiros.

Mas foi também um dia de indignação. 

E por várias razões. Primeiro, claro, a manobra escandalosa do PL de Valdemar Costa Neto, seguindo estritas ordens – até mesmo relacionadas a dia e hora – de Jair Messias denunciando as eleições. Seria apenas ridículo e grotesco, se não fosse também um atentado à democracia.

Ridículo e grotesco porque faz uma denúncia que, como matou de saída Alexandre de Moraes, se refere apenas ao segundo turno. Ora, se as urnas estavam erradas no segundo, também estariam no primeiro, e a eleição de deputados, governadores e senadores deveria ser igualmente anulada.

Mas o objetivo dessa baboseira é claro e perigoso: incentivar a boiada boçal de seguidores boçais do boçal Jair Messias país afora a continuar clamando por um golpe que não virá. Mais uma nota a ser acrescentada à vasta lista de crimes cometidos pelo pior, mais abjeto e mais perigoso presidente da história da República.

Outra razão de indignação veio do outro lado: Geraldo Alckmin anunciou que o ainda deputado Alexandre Frota participará da transição, e justo no setor de cultura.

Ora, a vinculação dessa figureta aberrante com a cultura é exatamente a mesma que eu tenho com a Croácia. Sei que existe, mas não sei direito nem onde fica.

E como se tudo isso fosse pouco, nesta quarta-feira o deputado Eduardo Bolsonaro, o bizarro Dudu Bananinha, apareceu dizendo que a obrigatoriedade do uso de máscaras em aeroportos e aviões é uma “imbecilidade”.

Ora, de imbecilidades ele deve entender. Afinal, se vê todo dia no espelho...

Apoie a iniciativa do Jornalistas pela Democracia no Catarse

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email