Vou ser Vovô e Lula, Presidente

José Prudente de Almeida Filho escreve: "O Lula não vai se matar, não vai fugir, não vai desistir de concorrer"

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Capotão.

Fofoqueiro do Aldir.

Vou ser Vovô.

“Glória aos piratas, às mulatas, às sereiasGlória à farofa, à cachaça, às baleiasGlórias a todas as lutas inglóriasQue através da nossa históriaNão esquecemos jamaisSalve o navegante negroQue tem por monumentoAs pedras pisadas do cais”

Aldizinho, amigo dos Céus!

Já está tudo pronto e o Guilherme nasce na próxima semana.

Quem me disse foi a Dannila com 2n que é a Mãe.

O Tiago Magão, meu filho, é um mar de felicidade. 

A Suely, será vovó.

A Elis, titia. O Samora Fidel, além de tio, padrinho.

Eu não minto dia de sexta.

Amanheci mais alegre que o Lula rompendo uma injustiça e saindo da cadeia.

E tem mais: Se pudesse daria um xexo na pneumonia e molharia o bico com um bom vinho português.

Vou me comportar.

Até porque hoje eu amanheci como pobre cuidando de reumatismo: partindo pra cima.

O Felipinho ( 40 milhões) que se cuide!

Aldir, é só alegria.

Além dessa notícia, vi dois vídeos maravilhosos.

Do primeiro, falei outro dia.

Era aquele da menina que canta bem e é papo cabeça, Zélia Duncan. 

Aldir, ela vai colocando tuas músicas e, pedagogicamente, com ironia sagaz, dizendo: ‘Regina... o Aldir’.

Um gozo, um tijolinho de leite da vovó Teles, um nascimento de neto. S E N S A C I O N A L....

O outro vídeo, também maravilhoso, é o Nestor Kirchner: “ Como presidente de la Nación no tengo miedo ni les tengo miedo...” 

Aldir, os retratos dos milicos ditadores argentinos vão sendo retirados.

Tu acreditas que eu tenho certeza de que isso irá suceder aqui também?

Não, não bebi, não. 

É um pressentimento.

Vou te contar.

Eu sei que és louco por futebol, um cruzmaltino de responsa, com livro e tudo.

Sendo assim, sabe muito bem o que é o drible da vaca, que aqui pra nós, é conhecido como “ de arrodeio”.

Aldizinho, o Lula, faz tempo que dá de “arrodeio”.

Presta bem atenção:

Deu  de arrodeio, com 7 anos, numa viagem de 13 dias, de pau de arara, de Garanhuns à São Paulo; de arrodeio na fome e na morte; de  arrodeio na infância como engraxate, vendedor de laranja; de arrodeio na pobreza, na violência e na “cegueira” do pai e de arrodeio na marginalidade.

Há uma explicação: Dona Lindu: Uma mãe.

Dona Lindu, numa tradução livre e popular, seria a Política, a  única ciência capaz de salvar o mundo da fome e das guerras.

Pois não é que Lula tá dando de arrodeio na política.

Os “cabas” tudo doido pra pegar ele e não conseguem.

Aldir, meu amigo, tão usando a estratégia errada.

Como hoje é Dia de Felicidade Guilhermiana, vou dar a dica:

- O moralismo não é o caminho. (Eles são moralistas sem moral...)

Peçam desculpas ao PT como sugere o Gustavo Conde.

Enfrentem o Lula nas urnas. 

Deixem de criar Heróis de Merda, Juiz Ladrão, Defunto Alcagguete, Juiz Capanga, Delator, Rato de Esgoto, Espião, Menino Pobre que salvou o Brasil.

Às    U R N A S...

Só lembrando:

O Lula não vai se matar, não vai fugir, não vai desistir de concorrer, não vai morrer se perder, não vai contestar o resultado, não vai se juntar aos #SOMOS TODOS CUNHA.

Aldir, meu companheiro.

A tarde já caiu feito um viaduto.

Voltaram o Irmão do Henfil e o povo  do “Rabo de Foguete”. 

A Esperança equilibrista não sai de nós e para o drible de Arrodeio Final: O ÓDIO NUNCA VENCERÁ A ESPERANÇA.

Viva o Guilherme, o LULA, os Lulas, as Lindus e a Política.

E vivam, sobretudo os “Mestres Salas dos Mares”!

Um beijo Aldir, você que teima em viver.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247