Zé de Abreu presidente é vitória moral da oposição

Como presidente autoproclamado, Zé de Abreu não é uma brincadeira, mas um instrumento de mobilização política e um símbolo do Lula Livre que a oposição não deve subestimar*. Se Bolsonaro já tuitou ameaçando-o é porque o teme como adversário

Zé de Abreu presidente é vitória moral da oposição
Zé de Abreu presidente é vitória moral da oposição

O autoproclamado presidente Zé de Abreu desembarcou no Aeroporto Internacional Tom Jobim, recepcionado por animada militância jovem que gritava "Sem caixa dois. Sem fake news. É Zé de Abreu presidente do Brasil!". Foi um desembarque que lembrou aquele da vitória da anistia de Brizola e Prestes em 1979.Zé de Abreu chega num momento político chave para o país, da passagem dos massivos protestos dos blocos para a mobilização popular contra o proclamado presidente que esmaga a Nação.

Nesses pouco mais de dois meses de desgoverno da extrema-direita, o país vive um rápido processo desmonte da pauta moral que elegeu Bolsonaro, produzido por cada tuitada sua e que atingiu o auge com o vídeo pornô que postou, indignando inclusive a direita que o apoiou.

Bolsonaro e o seu clã atuam como se fosse um forte "partido da oposição" ao seu próprio governo, que conseguiu até mesmo botar a golpista Rede Globo abertamente contra ele.

Mas a derrota moral de Bolsonaro é ao mesmo tempo a vitória moral da oposição democrática e popular. Vitaminada pelas manifestações do Carnaval e pela história do povo brasileiro apresentada no magnífico enredo da Mangueira, a oposição reaglutina suas forças para mobilizar as ruas contra o fim da aposentadoria, proposto por essa criminosa Reforma da Previdência.

Associada a essa luta com potencial para encher as ruas, a bandeira do Lula Livre se ampliou ainda mais em consequência da altivez de verdadeiro líder com que Lula enfrentou seus algozes e sinalizou para o povo em meio ao profundo sofrimento no enterro de seu querido neto.

As aclamações e os apoios ao autodeclarado presidente Zé de Abreu expressam a vontade popular do Lula Livre, uma bandeira que se impõe cada vez mais como a condição fundamental para a volta ao Estado democrático de direito e a pacificação da sociedade brasileira.

Zé de Abreu chega, assim, num momento em que pode agir como um fator catalisador da oposição popular que renovou suas energias no Carnaval. Uma oposição que está moralmente fortalecida para avançar na luta política contra a reforma da Previdência e na defesa dos direitos civis, sociais e trabalhistas que vêm sendo esmagados pelo rolo compressor do governo fascista de Bolsonaro.

Como presidente autoproclamado, *Zé de Abreu não é uma brincadeira, mas um instrumento de mobilização política e um símbolo do Lula Livre que a oposição não deve subestimar*. Se Bolsonaro já tuitou ameaçando-o é porque o teme como adversário.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247