"A Saúde adverte: não há transmissão anal da Covid-19", diz Alexandre Padilha em resposta a Eduardo Bolsonaro

"A Saúde adverte: não há transmissão anal da Covid-19. Parece absurdo ter que explicar, mas a família Bolsonaro nos obriga a isso", postou o deputado e ex-ministro Alexandre Padilha em resposta a Eduardo Bolsonaro, que mandou a população “enfiar no rabo” as máscaras de proteção contra a Covid-19

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O deputado federal e ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha respondeu ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que nesta quarta-feira (10) mandou a população “enfiar no rabo” as máscaras de proteção contra a Covid-19. "A Saúde adverte: não há transmissão anal da Covid-19. Parece absurdo ter que explicar, mas a família Bolsonaro nos obriga a isso", postou Padilha no Twitter.

De acordo com reportagem do blog da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, Padilha irá propor que a bancada do PT Na Câmara faça uma representação contra Eduardo Bolsonaro no Conselho de Ética da Casa. 

Nesta quarta-feira (10), Eduardo publicou um vídeo em sua conta no Instagram criticando os questionamentos sobre o uso de máscaras contra a Covid-19. 

PUBLICIDADE

“Acho uma pena, essa imprensa mequetrefe que a gente tem aqui no Brasil fique dando conta de cobrir apenas a máscara. 'Ah a máscara, está sem máscara, está com máscara'. Enfia no rabo gente, porra! A gente está lá trabalhando, ralando”, disse. 

Confira a postagem de Alexandre Padilha sobre o assunto.

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email