Ação de Moro sobre 'hackers' é percebida por políticos e juízes como farsa e cortina de fumaça

Políticos e magistrados desconfiam que o ministro Sergio Moro está utilizando o vazamento de nomes que também teriam sido 'hackeados' pelo grupo preso na terça-feira (23) como cortina de fumaça para desviar a atenção das investigações de que ele próprio é alvo

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Políticos e magistrados desconfiam que o ministro Sergio Moro está utilizando o vazamento de nomes que também teriam sido 'hackeados' pelo grupo preso na terça-feira (23) como cortina de fumaça para desviar a atenção das investigações de que ele próprio é alvo. Aumenta a percepção de que o ex-juiz quer criar um ambiente favorável à destruição das mensagens em que ficou demonstrado que ele e procuradores manipularam a Operação Lava Jato.   

Moro é criticado também porque é, a um só tempo, "protagonista de rumorosa crise, vítima e chefe do órgão que faz a investigação", aponta a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo.   

Por isso, a força que esá fazendo para obter solidariedade está surtindo efeito contrário.  Moro parece isolado em seu afã de espraiar a crise e de instrumentalizar a Polícia Federal em seu benefício.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247