Acionista e conselheiro do Carrefour, Abílio Diniz financiou partido de Bolsonaro durante eleições

Abílio Diniz financiou candidatos do PSL, elogiou política econômica de Bolsonaro e defendeu impeachment de Dilma Rousseff

Abílio Diniz, Carrefour e Bolsonaro
Abílio Diniz, Carrefour e Bolsonaro (Foto: Divulgação/@_openspace | reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Acionista e membro do Conselho Administrativo do Carrefour, o empresário Abílio Diniz financiou o PSL durante as eleições de 2018. O partido lançou Jair Bolsonaro para a Presidência da República.

Já o Carrefour está envolvido, mais uma vez, em um caso de racismo, após dois seguranças de um supermercado em Porto Alegre espancarem até a morte João Alberto Silveira Freitas, homem negro de 40 anos.

Em 2018, Abílio Diniz doou R$ 1,2 milhão para candidatos durante as eleições gerais, segundo o jornal francês Libération. Além de candidatos do PSL, o empresário também financiou candidatos de partidos golpistas como PSD, DEM e MDB.

Em reunião entre Bolsonaro e a Fiesp em meados de 2020, Diniz chegou a elogiar a política econômica do governo, segundo a Folha de S.Paulo.

Além disso, em 2018, assim que Bolsonaro ganhou as eleições, o empresário publicou uma “Carta ao presidente”, no Estado de S.Paulo, afirmando que o resultado dava “esperança de que não será mais do mesmo, a esperança de que o Brasil mudará e será um país mais solidário, unido e tranquilo”.

“A esperança de nós empresários é que você derrube as travas que seguram nossa capacidade de produzir riqueza e empregos”, escreveu.

Diniz também defendeu o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) afirmando ser um “fato novo” que dava “esperança ao Brasil”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email