Acossado, Moro solta nota e diz que mensagens podem ter sido adulteradas

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, lançou nota rebatendo as novas denúncias da Vaza Jato para prejudicar Lula; Laura Tessler, procuradora da força-tarefa, deixou de participar de audiências, incluindo uma com o ex-presidente, após reclamação do então juiz Sérgio Moro; em nota, Moro diz que mensagens podem ter sido adulteradas

(Foto: Esq.: Adriano Machado - Reuters)

247 - O ministro da Justiça, Sérgio Moro, lançou nota rebatendo as novas denúncias da Vaza Jato para prejudicar Lula; Laura Tessler, procuradora da força-tarefa, deixou  de participar de audiências, incluindo uma com o ex-presidente Lula, após reclamação do então juiz Sérgio Moro; em nota, Moro diz que mensagens podem ter sido adulteradas 

Leia a íntegra da nota: 

NOTA A IMPRENSA DO MJSP

 Sobre suposta mensagem atribuída ao Ministro da Justiça e Segurança Pública esclarece-se que não se reconhece a autenticidade, pois pode ter sido editada ou adulterada pelo grupo criminoso, que mesmo se autêntica nada tem de ilícita ou antiética. A suposta mensagem já havia sido divulgada semana passada, nada havendo de novo.  Na suposta mensagem não haveria nenhuma contradição com a fala do ministro ao Senado Federal, como especulado. Cabe esclarecer que o texto atribuído ao Ministro fala por si, não havendo qualquer solicitação de substituição da procuradora, que continuou participando de audiências nos processos e atuando na Operação Lava Jato.  BRASILIA, 20 de junho de 2019.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247