Acuado e assustado, Bolsonaro faz pronunciamento e leva panelaço gigantesco

Acuado e assustado com as sanções internacionais, Bolsonaro foi à TV para provocar um dos maiores panelaços já realizados no país e para emitir um discurso protocolar pleno de promessas confusas sobre a devastação da Amazônia. Ele ainda disse: "as queimadas deste ano não [estão] fora da média dos últimos 15 anos"

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Acuado e assustado com as sanções internacionais, Bolsonaro foi à TV para provocar um dos maiores panelaços já realizados no país e para emitir um discurso protocolar pleno de promessas confusas sobre a devastação da Amazônia. Ele ainda disse: "as queimadas deste ano não [estão] fora da média dos últimos 15 anos"

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo informa que Bolsonaro "evitou atacar diretamente autoridades europeias [...] defendeu serenidade e disse que 'espalhar dados e mensagens infundadas dentro ou fora do Brasil não contribui para resolver o problema'."

Ele disse: "incêndios florestais existem em todo o mundo e isso não pode servir de pretexto para possíveis sanções internacionais. O Brasil continuará sendo, como foi até hoje, um país amigo de todos e responsável pela proteção de sua floresta amazônica."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email