Além da cloroquina, Bolsonaro diz tomar vermífugo 'Annita' para tratar a Covid-19

“Eu comecei essa semana a tomar também Annita”, disse Jair Bolsonaro a apoiadores, no Palácio da Alvorada. Assim como a cloroquina, o medicamento não tem eficácia comprovada

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Além de propagar a cloroquina como medicamento para o tratamento da Covid, mesmo sem comprovação de sua eficácia, Jair Bolsonaro disse durante transmissão ao vivo do Facebook, que começou a tomar outro remédio: o vermífugo nitazoxanida, cujo nome comercial é Annita, e também não tem eficácia comprovada contra a doença.

“Eu comecei essa semana a tomar também Annita”, disse a apoiadores, no Palácio da Alvorada, neste sábado (18).

O vermífugo tem como princípio ativo a nitazoxanida e chegou a ser anunciado pelo ministro da Ciência e tecnologia, Marcos Pontes, como um “remédio secreto” para ser testado em pacientes contaminados pela Covid-19 em abril.

No entanto, o farmaco é menos efetivo e mais tóxico do que outras drogas que foram testadas por diversos países. O alerta foi feito em estudos científicos publicados por especialistas chineses.

Apesar disso, o medicamento entrou no rol de fármacos que tiveram a alíquota de importação zerada. A diminuição de impostos sobre os remédios tem como objetivo a garantia de abastecimento, afirma o Ministério da Saúde.

Isolamento

Bolsonaro voltou a criticar o isolamento social e as medidas tomadas por governadores e prefeitos para fechar o comércio e evitar a disseminação da doença.

“Pelo que eu sei, ninguém morreu por falta de UTI ou respirador. Tem que pensar na economia. Não adianta ficar falando em vida, em vida, em vida, porque o isolamento mata”, afirmou ele, desconsiderando o fato de que foram justamente as medidas de isolamento que reduziram o impacto da pandemia nas unidades de saúde.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247