Alexandre Frota apresenta pedido de cassação de Flávio Bolsonaro no Senado

Já há uma representação contra Flávio tramitando, mas está parada no Conselho de Ética do Senado há meses

Deputado Alexandre Frota (PSDB) confirmou o desconto no salário
Deputado Alexandre Frota (PSDB) confirmou o desconto no salário (Foto: Michel Jesus - Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) apresentou no dia 30 de dezembro ao Conselho de Ética do Senado um segundo pedido de cassação do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) por “crimes de improbidade administrativa, peculato e associação criminosa”.

Segundo o site Metrópoles, Frota argumenta que o senador Flávio Bolsonaro está interferindo nas investigações do Ministério Público e acusa o filho de Jair Bolsonaro de tráfico de influência, o que pode levar à perda do mandato.

A representação apresentada por Frota se soma a outra que está parada no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado, protocolada em fevereiro de 2020 pelo PSol, PT e Rede. O presidente do colegiado, Jayme Campos (DEM-MT), ainda não deu andamento à representação.

Flávio Bolsonaro é investigado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) pela prática de rachadinha na época em que era deputado estadual na capital fluminense. O crime consiste no confisco de parte dos salários dos funcionários, o que caracteriza desvio de dinheiro público.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email