Apesar de desafetos, Moro e Maia conspiram contra CPI da Vaza Jato

A coluna Painel da Folha de S.Paulo informa que Sergio Moro, procurou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) para impedir a instalação da CPI da Vaza Jato

Moro e Maia
Moro e Maia (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), contam que, na semana passada, o ministro da Justiça do governo de extrema-direita de Bolsonaro demonstrou preocupação com o pedido de instalação da CPI da Vaza Jato, diz a coluna.  

A CPI tem por finalidade investigar mensagens da força-tarefa da Lava Jato obtidas pelo The Intercept que incluem o ex-juiz.  

A coluna informa que Maia tranquilizou Moro, com a avaliação de que não é hora de gerar crises entre os Poderes.  

A posição de Rodrigo Maia contraria todas as expectativas das forças democráticas do país, que querem a apuração sobre os desmandos e ilegalidades cometidas por Moro e os procuradores da Operação Lava Jato.   

Rodrigo Maia corre o risco de se indispor com amplos setores políticos na Câmara, onde há um generalizado sentimento contra Moro devido à sua cruzada para criminalizar a atividade política democrática.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email